Packard Clipper Custom Touring Sedan

A potência para todos os Packard Clipper 1956 foi cortesia de um motor Packard V-8 de 5766 cm3. Os modelos Deluxe e Super vêm com carburador de dois cilindros como equipamento de série, produzindo 240 cv. Os modelos “Custom” e “Executive” vêm com carburador de quatro cilindros e oferecem 275 cv.


Em 1956, a Studebaker-Packard tentou afastar o declínio da marca, passando da linha de produtos Packard Clipper para uma marca separada, simplesmente chamada Clipper. O presidente da Studebaker-Packard, James Nance, sentiu que a linha Clipper de médio porte era um entrave à reputação da Packard como fabricante de automóveis de luxo, embora o Clipper fosse o modelo mais vendido da Studebaker-Packard. Em 1955, o crachá Packard foi retirado da linha Clipper, atraindo protestos de revendedores que estavam vendendo os carros para compradores aspirantes.

A tentativa de transformar a Clipper em sua própria marca foi vítima do declínio geral da fortuna da Studebaker-Packard, e a fábrica de Detroit, na qual a Clipper foi feita, foi fechada em meados de 1956. O nome Clipper foi dobrado de volta para a marca Packard em 1957, e depois caiu completamente durante o último ano de produção da Packard em 1958.

O Clipper foi desenhado para competir com as ofertas médias do mercado da Chrysler, Oldsmobile e Mercury – um passo à frente da Dodge, Chevrolet e Ford. O 1956 Clipper, entretanto, começou em $2.700, várias centenas mais do que qualquer concorrente exceto o Chrysler Windsor.

Clippers estavam disponíveis como sedans de quatro portas ou coupé hardtop de duas portas em três níveis de acabamento. O sedan básico era um Deluxe, o Super sedan mid-line ou o Hardtop Panamá, e o sedan Custom de nível superior ou o hardtop Constellation. Em meados do ano, a linha Custom foi substituída pela linha Executive, sem alterações substanciais, exceto pelo uso de uma grade Packard de alto nível e acabamento lateral.

A transmissão padrão na linha Clipper era um manual de três engrenagens com deslocamento de coluna, com overdrive opcional. Os Clippers também podem ser equipados com o sistema automático de duas velocidades Packard Twin Drive Ultramatic como opção. Todos os carros de nível executivo foram equipados com o Ultramatic. Também opcional foi o botão de pressão da versão operada eletronicamente do Ultramatic. Um diferencial de deslizamento limitado também era opcional em todos os carros.

Alguns “Clipper Deluxe” e “Super Models” de 1956 vêm com uma suspensão padrão, e outros com a suspensão opcional da barra de torção. Todos os carros “Custom/Executive” estavam equipados com barras de torção, e no final do ano todos os modelos “Clippers” estavam equipados com barras de torção. Outras opções notáveis são o rádio WonderBar, o banco dianteiro aquecido e o ar condicionado, que por si só acrescentou 647 dólares ao preço do carro.

Em 1956, o design do “Clipper” mostrou a sua idade, ainda mais semelhante à dos modelos de 1953-1954 dos quais foi derivado. Os hardtops neste estilo fazem uma apresentação muito mais atraente do que os sedans, e com uma produção total de pouco mais de 20.000 “Clippers” em 1956, pouco menos de 6.500 eram hardtops. Como em todos os carros desta época, a condição é muito mais importante do que o nível específico de acabamento ou a lista de opções, mas se tudo o resto for igual, os “hardtops” devem ser favorecidos em detrimento dos “sedans”.

Photo: Greg Gjerdingen from Willmar, USA [CC BY 2.0], via Wikimedia Commons

hagerty

Packard (1956)

56ª série (também conhecida como 1956) Os Parkards reviram ligeiramente os pára-choques dianteiros com chifres mais afastados. A “protuberância” vista em 1951-1955 as tampas tronco Packard são eliminadas, pelo que a cauda parece mais volumosa. A janela traseira em quatro portas é maior e mais arredondada. Apenas o “Clipper Deluxe” mantém a velha linha de tejadilho. Torsion Level Ride é um equipamento de série em todas as linhas, com molas convencionais uma opção sem custo apenas no “Clipper Deluxe”. O controle de transmissão por botão de pressão é uma opção para carros com transmissão Twin Ultramatic (padrão no Caribe). Positraction é feita uma opção.

Nova grade para “carros seniores” com luzes direcionais maiores e visíveis de lado. Acabamento brilhante em alumínio de comprimento total (Acabamento lateral 1955 inalterado para caribenhos). Logotipo “Circle V” no porta-malas de “Seniors” e “Executive”, portanto as luzes traseiras agora não têm este logo. Early “carros seniores” são entregues com telas de prata anodizada atrás da grade e da abertura do pára-choques. Uma mudança para telas de ouro anodizado segue em breve.

Novo Hardtop Caribenho com cobertura Hypalon (vinil). Os caribenhos recebem novos bancos de assento com almofada desmontável e reversível – couro em um, Bouclé do outro lado das almofadas. Os caribenhos novamente vêm com uma escolha de quatro combinações de três tons e rodas de arame Kelsey-Hayes.

Os “Clippers” também têm um novo rosto, sem capuzes e barras de grade horizontais. As lanternas traseiras são novas e semelhantes às de 1957 e 1958. A guarnição lateral é nova. A “Clipper Deluxe” tem seu próprio estilo com duas barras de guarnição não conectadas, outras têm uma faixa de cores que se alarga na traseira. No início, “Clippers” foram entregues sem qualquer script Packard. Um script de tampa de tronco foi adicionado durante a execução do modelo. Como Deluxe usa tampas de roda de 1955, ele ainda tem letras Packard nele.

Model name

Clipper Deluxe 240hp
Clipper Super 240hp
Clipper Custom 275hp
Executive 275hp
Patrician 290hp
Four Hundred hardtop coupe 290hp
Caribbean hardtop coupe 310hp
Caribbean convertible coupe 310hp

Chassis number

5640 Clipper Deluxe, Super
5660 Clipper Custom
5670 Executive
5680 Patrician and Four Hundred
5688 Caribbean

Body number

56×2 touring sedan
56x2A Executive touring sedan
56×7 Panama / Constellation / Four Hundred (2-door) hardtop coupe
56x7A Executive and Caribbean (2-door) hardtop coupe
56×9 Caribbean convertible coupe


POTÊNCIA - CONTROLO - PERFORMANCE
- $3,069 (1956) - V-8 OHV - 5766 cm3
- Normal - 275 CV
- - 9 s
- 1846 kg - RWD (tracção traseira), caixa de velocidades manual de 3 velocidades
- - 186 km/h
- 1956 - Comprimento: 5470 mm / 215.344 in, largura: 1981 mm / 78 in, distância entre eixos: 3099 mm / 122 in
- Frente e traseira 279 mm / 11 em freios a tambor -
- 7.60x15 - -12
- Suspensão de barra de torção autonivelante, operada eletronicamente.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *